Celular se torna o principal canal de acesso aos bancos, diz Febraban

DATA: 31/05/2017


 

 

O celular se tornou o principal meio de acesso dos brasileiros aos bancos e seu uso para esta finalidade disparou 96% no ano passado. Segundo a Federação Brasileira de Bancos (Febraban), foram quase 22 bilhões de transações, o equivalente a 34% de todas as operações realizadas no ano.

Com o aumento de 14 pontos percentuais, o celular ultrapassou o internet banking, que ficou em segundo lugar, com 23% das transações — queda de nove pontos percentuais na comparação anual. Ao todo, o volume de transações bancárias aumentou 16,7% em 2016, para 65 bilhões.

Além do aumento no número de transações pelo celular, também houve um incremento na quantidade de operações com movimentação de dinheiro — pagamento de contas, transferências de valores etc. —, e não apenas consultas a saldos e extratos. O volume mais que dobrou em um ano, passando de 500 milhões para 1,2 bilhão. Apesar de ainda representar só cerca de 5% do total, esse incremento é importante para os bancos porque indica o retorno aos investimentos feitos na estratégia digital.

O crescimento no uso do celular tem se dado muito por conta da facilidade de acesso, que ajuda a manter o controle do saldo de contas e aplicações. A realização de transações ainda fica limitada por conta da falta de opções nos aplicativos e também por reticência dos clientes.

Fonte: ParaibaTotal
Cliques na Notícia: 171

  CONVÊNIOS